Terça-Feira, 07 de Dezembro de 2021 - 09:24:40    Oferecimento Mato Grosso em Destaque
Facebook Mato Grosso em Destaque Instagram Mato Grosso em Destaque Canal no Youtube do Portal Mato Grosso em Destaque WhatsApp Mato Grosso em Destaque
Mato Grosso em Destaque


Data: 08/03/2021 - 10:42 - Por: Olhar Direto

Emanuel assina lei que ratifica intenção de aquisição de vacinas e diz que vai abrir mais leitos


O prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) assinou, na manhã desta segunda-feira (8), um projeto de lei para a aquisição de vacinas para combate à pandemia do coronavírus, medicamentos, insumos e equipamentos na área da saúde. O documento foi elaborado pela Frente Nacional dos Prefeitos (FNP) e entregue à Mesa Diretora da Câmara Municipal de Cuiabá. Além disso, o gestor afirmou que irá abrir novos leitos de UTI nos próximos dias.

Segundo o prefeito, o planejamento de Cuiabá a partir de agora terá quatro etapas, que foram discutidas no Comitê Municipal de Combate à Covid-19. A primeira etapa seriam as medidas restritivas, com horários mais elásticos para evitar aglomerações. A segunda, a lei já encaminhada à Câmara com “tolerância zero” para setores ou estabelecimentos que descumprirem as medidas. A terceira etapa será a abertura de leitos de enfermaria e UTI, que deve ser anunciado no máximo nesta quarta-feira (10).
 
A quarta etapa é vacinar a população que, segundo Emanuel, é prioridade. “Temos que vacinar a população, temos que adquirir vacinas. Esse é o momento de hoje. Eu participo da Frente Nacional dos Prefeitos, e como forma, todos angustiados para poder ajudar o governo federal para acelerar a imunização da população decidimos criar um consórcio nacional dos prefeitos para aquisição de vacinas para imunizar a população brasileira.

A minuta foi entregue ontem, Cuiabá foi uma das primeiras a encaminhar um Projeto De Lei autorizando a Prefeitura a compor o consórcio de vacinas e anexar o protocolo de intenções”, explicou.
 
Segundo Emanuel, assim que a lei for aprovada, o consórcio se tornará uma autarquia pública, o que vai garantir segurança jurídica e política neste trabalho de aquisição de vacinas. Segundo o prefeito, a compra de doses será financiada tanto pela cidade – e, para isso, ele pode inclusive tirar recursos de obras e outros locais da cidade. Além disso, todas as emendas parlamentares do deputado federal Emanuelzinho (PTB), em torno de R$ 20 milhões, virão para a capital. Outra possibilidade é a vinda de doações e o financiamento federal.

“A Prefeitura já está fazendo sua parte para atacar a causa para que possamos adquirir com a maior brevidade de tempo as vacinas e possamos imunizar toda a população cuiabana. Vou assinar a lei que eu peço à câmara municipal, e pedi que fosse votada em regime de urgência emergencial. A frente precisa agir para criar a pessoa jurídica do consórcio”, afirmou Emanuel.


Curta Nossa Página no Facebook:





Comentários: ( 0 ) cadastrados.

Faça o comentário para a noticia: Emanuel assina lei que ratifica intenção de aquisição de vacinas e diz que vai abrir mais leitos

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade do autor.
As mensagens com conteúdo abusivo poderão ser vetados da publicação.


COMPARTILHE ESSA NOTÍCIA COM SEUS AMIGOS




Mato Grosso em Destaque | Portal de Notícias de Mato Grosso - Todos os direitos reservados.

Facebook Mato Grosso em Destaque    Instagram Mato Grosso em Destaque    Canal no Youtube do Portal Mato Grosso em Destaque    WhatsApp Mato Grosso em Destaque

E-Mail: reportagem@matogrossoemdestaque.com.br


Política de Privacidade | Termos de Uso